Avaliação medirá impacto social e inserção regional das pesquisas

Capes • 24 de outubro de 2019

Atuando na modernização do Sistema de Avaliação dos Programas de Pós-Graduação (PPG) desde 2017, a CAPES pretende substituir o atual modelo de análise de Formação e Pesquisa, por um mais amplo, o multidimensional. Este novo padrão analisará cinco dimensões: Formação, Pesquisa, Transferência de Conhecimento/Inovação, Internacionalização/Inserção Regional e Impacto na Sociedade. O trabalho conjunto entre o Conselho Técnico Científico da Educação Superior (CTC-ES) e a Diretoria de Avaliação (DAV) permitirá executar o novo modelo no próximo ciclo de avaliação, que tem início em 2021.

Nove grupos de trabalho foram criados para melhorar o sistema: Revisão da Ficha de Avaliação, Autoavaliação, Classificação de Livros, Internacionalização, Impacto e Relevância Econômica e Social, Inovação e Transferência de Conhecimento além dos Qualis de Periódicos Referência, Técnico/Tecnológico e Artístico, Cultural e Classificação de Eventos.

Anderson Correia, presidente da CAPES, ressalta que a mudança deve mostrar um panorama dos pontos fortes de cada PPG, assim como os que precisam de evolução. Cada universidade poderá ser avaliada de acordo com suas vocações. "Com a avaliação, vamos incentivar que a pesquisa tenha maior impacto na sociedade e na indústria. Estaremos em busca de uma pesquisa mais relevante", diz.

A expectativa é que o modelo multidimensional aumente a colaboração com a indústria e dê um retorno mais claro para a sociedade. "Hoje, o impacto social tem visibilidade menor pela falta de indicadores claros", afirma Sônia Báo, diretora de Avaliação.

A escala de notas, que hoje vai de 1 a 7, sendo 3 o conceito mínimo para um programa ter o funcionamento autorizado, também será alterada. O novo modelo deve adotar uma nota de 1 a 5 para cada dimensão, tendo exigências mínimas em cada fator.

Sistema de pós-graduação
A pós-graduação no Brasil tem atualmente 4.591 PPG. São mais de 87 mil bolsistas da CAPES de mestrado, doutorado e pós-doutorado espalhados pelo país. No exterior, são mais de 5.500 bolsistas em diversos países com colaboração acadêmica com a CAPES.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)




Notícia publicada pela Capes, às 15h26, no dia 23 de outubro de 2019, no endereço eletrônico http://capes.gov.br/36-noticias/9979-avaliacao-medira-impacto-social-e-insercao-regional-das-pesquisas


Restrito - Copyright © Edux Consultoria 2012 - Todos os direitos reservados