CAPES recebe primeiras propostas de mestrado EaD

Capes • 30 de agosto de 2019

A CAPES recebeu os primeiros pedidos para a criação de cursos de pós-graduação a distância. Das 652 demandas entregues para a Avaliação de Propostas de Cursos Novos (APCN), 17 são para mestrados a distância.

A modalidade foi instituída pelo Decreto nº 9.057 de 2017 e normatizada pela Resolução nº 7 da Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação (CES/CNE). Desde então a CAPES aprofundou os estudos sobre educação a distância (EaD) e publicou a Portaria nº 90 de 2019 que regulamenta o tema. Um dos focos principais do grupo de trabalho criado para debater o tema foi a manutenção da qualidade.

Com a criação de mestrados EaD será possível facilitar a interiorização da pós-graduação no Brasil, diminuindo a necessidade de deslocamento e permanência dos estudantes nos grandes centros. Sônia Báo, diretora de Avaliação, espera que as instituições se associem para oferecer cursos de qualidade. “Acredito que as instituições tenham que fazer associações para o processo ser mais tranquilo. Espero que trabalhem em conjunto possibilitando de fato a interiorização”.

Outro ponto a ser impulsionado com os mestrados a distância é a formação continuada de professores, melhorando a qualidade do ensino básico no país. O ensino EaD é uma demanda da comunidade acadêmica. Das 17 propostas apresentadas, duas foram na área de Ciências da Vida, nove em Humanas, uma proposta na Exatas e cinco propostas na área Multidisciplinar.

Os mestrados a distância deverão fazer de forma presencial estágios obrigatórios, seminários integrativos, práticas profissionais, avaliações presenciais, pesquisas de campo e atividades de laboratórios. Cada programa deverá ter um regulamento com estratégias para evitar fraudes nas avaliações, critérios para manutenção da qualidade do programa, estrutura curricular, entre ouros pontos.

Em 2019 foram aceitas apenas propostas para a criação de cursos de mestrado a distância. Propostas de doutorado EaD serão aceitas apenas após o primeiro ciclo de avaliação dos mestrados. O processo de apresentação de APCN se encerrou em 9 de agosto.
Para ser aprovada, cada proposta vai passar pela análise do Conselho Técnico-Científico da Educação Superior, assim como os cursos presenciais. As propostas recomendadas são encaminhadas para aprovação do Conselho Nacional de Educação.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES





Notícia publicada pela CAPES, às 17h55, no dia 29 de agosto de 2019, no endereço eletrônico http://capes.gov.br/36-noticias/9791-capes-recebe-primeiras-propostas-de-mestrado-ead


Restrito - Copyright © Edux Consultoria 2012 - Todos os direitos reservados