Opções gratuitas facilitam escolha de curso e estudo online

Folha de S.Paulo • 14 de maio de 2019

Para aproveitar conteúdo disponível na internet, porém é preciso ter organização e estratégia

Luciana Alvarez

Quem não quer ou não pode investir em um cursinho pré-vestibular pode aproveitar as muitas alternativas de estudo gratuitas na internet. Comunidades online de alunos que trocam dicas, aplicativos de testes, simulados presenciais e aulas gravadas no YouTube são algumas das opções (veja ao lado).

A ajuda, porém, pode começar antes mesmo dos estudos —para quem está um passo atrás na trajetória e não sabe nem qual curso escolher.

O Instituto Singularidades mantém um programa em que os estudantes podem frequentar suas aulas de graduação e ver se gostam do conteúdo.

“Além de conversar com o coordenador, é interessante vivenciar o estilo do curso e conversar com quem já é aluno”, explica a coordenadora do curso de pedagogia da instituição, Cristina Barelli.

Foi o que fez Mydian Santos, 34, que trabalhava no setor administrativo de uma empresa de seguros. Formada em comunicação, queria fazer uma segunda graduação em pedagogia.

Pediu indicações a professores formados na área e foi pessoalmente ao Singularidades. “Eu liguei, marquei uma hora para conversar com a coordenadora, depois fui assistir a aulas por uma semana”, conta Mydian, que acabou se tornando aluna do curso.

“Fiz minha primeira faculdade por fazer. Foi um ensino bem tradicional. Na segunda, queria algo que fosse diferente daquele modelo”, diz.

Decidido qual é o curso, chega a hora de direcionar os estudos. Quem vai se virar sozinho com recursos disponíveis online precisa, antes de tudo, de um bom planejamento.

“Conteúdos gratuitos há muitos, mas conseguir organizar a forma de estudar pode ser o grande diferencial”, afirma Taís Bento, sócia da consultoria SOS Educação.

Ela recomenda estabelecer pequenas metas de temas a serem estudados e intercalar os assuntos para dar ao cérebro tempo de absorver a informação. “O ideal é trabalhar conteúdos em segundo plano, fazer novas ligações e associações sobre o que foi estudado.”

No caso de aulas a distância, é preciso também levar em consideração que, dependendo do aluno, a falta de interação com colegas e professores pode ser uma desvantagem.

Nesses casos, o vestibulando pode complementar as lições online com a participação em comunidades de estudantes nas quais haja troca de experiências.

Vale também buscar atividades presenciais, como os simulados gratuitos oferecidos por algumas grandes redes de cursinho.














Notícia publicada pelo Folha de São Paulo, às 02h00, no dia 12 de maio de 2019, no endereço eletrônico https://www1.folha.uol.com.br/educacao/2019/05/opcoes-gratuitas-facilitam-escolha-de-curso-e-estudo-online.shtml


Restrito - Copyright © Edux Consultoria 2012 - Todos os direitos reservados