Projeto Narizes de Plantão vence Prêmio Top Educacional Professor Mário Palmério 2018 da ABMES

SEGS • 18 de setembro de 2018

Criado em 2010, o grupo de estudantes já levou alegria e descontração para mais de 44 mil pessoas

O projeto de Extensão Narizes de Plantão do Centro Universitário São Camilo, idealizado pelo professor Dr. Mauro Fantini Nogueira Martins e formado por estudantes e colaboradores que atuam como palhaços e visitam instituições de saúde, é o vencedor do Prêmio Top Educacional Professor Mário Palmério 2018 da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES). A proposta ganhou destaque com números impactantes: mais de 44 mil pessoas visitadas e 4 mil horas de treinamento. Uma das instituições visitadas pelo grupo é a Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo.

O diretor presidente da ABMES, Janguiê Diniz, homologou o resultado da 23ª edição do prêmio presidido por Manuel Marcos Formiga, professor da Universidade de Brasília (UNB), economista e ex-diretor da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). A Comissão contou ainda com Celso da Costa Frauches, do Instituto Educacional Andragogia, Lina Sandra Barreto Brasil, da Universidade Aberta do SUS (UNA-SUS), Valdemar Ottani, da Âncora Planejamento Estratégico, e Suzete Venturelli, do Instituto de Artes da Universidade de Brasília (UnB).

De acordo com Rita Calegari, psicóloga do Hospital São Camilo, os Narizes de Plantão oferecem a oportunidade de pacientes, familiares e funcionários se beneficiarem de um momento de descontração e alegria que facilitam o enfrentamento da doença. “O palhaço é um personagem que remete ao sorriso, alegria e este trabalho, que está alinhado à cultura de humanização das instituições camilianas, é fundamental para o tratamento de muitos pacientes”, explica.

Coordenado pelo professor Mauro Fantini Nogueira Martins, o projeto busca inovar e inserir humanização e empatia na educação superior da área da saúde de modo prático, eficiente e divertido. Para aprofundar as relações entre equipe multiprofissional de saúde e paciente, as Unidades da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo recebem os Narizes de Plantão principalmente nas áreas da oncologia, TMO, pediatria e geriatria.


Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo
A Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo é composta por três modernos hospitais que fazem parte da história da capital paulistana: Pompeia, Santana e Ipiranga. Excelência médica, qualidade diferenciada no atendimento, segurança, humanização e expertise em gestão hospitalar são seus principais pilares de atuação. As Unidades têm capacidade para atendimentos eletivos, de emergência e cirurgias de alta complexidade, como transplantes de medula óssea. Hoje, a Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo presta atendimento em mais de 60 especialidades, oferece ao todo 685 leitos e um quadro clínico de mais de 3,7 mil médicos qualificados. Seus hospitais possuem importantes acreditações internacionais, como a da Joint Commission International (JCI), renomada acreditadora dos Estados Unidos reconhecida mundialmente no setor, a Acreditação Internacional Canadense e a da ONA (Organização Nacional de Acreditação). A Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo faz parte da Sociedade Beneficente São Camilo, uma das entidades que compreende a Ordem dos Ministros dos Enfermos (Camilianos), uma entidade religiosa presente em mais de 30 países, fundada pelo italiano Camilo de Lellis, há mais de 400 anos. No Brasil, desde 1928, a Rede conta com expertise e a tradição em saúde e gestão hospitalar.











Notícia publicada pelo site da Segs, noàs 16h46, no dia 17 de setembro de 2018, no endereço eletrônico https://www.segs.com.br/demais/135352-projeto-narizes-de-plantao-vence-premio-top-educacional-professor-mario-palmerio-2018-da-abmes


Restrito - Copyright © Edux Consultoria 2012 - Todos os direitos reservados