Conselho Federal lança código de ética do estudante de medicina

G1 • 20 de agosto de 2018

Documento trata sobre temas como trotes, relação com cadáver e uso de whatsapp.

Por G1


Estudantes durante aulas no curso de medicina: código vai regulamentar temas éticos da profissão (Foto: Faceres/Divulgação)

Conselho Federal de Medicina (CFM) lançou na terça-feira (14) um código de ética do estudante de medicina (CEEM). O documento trata de temas como trotes aos calouros, relação com os cadáveres, respeito pelo paciente e uso do whatsapp. São 45 artigos organizados em seis diferentes eixos, que ressaltam atitudes, práticas e princípios morais e éticos do futuro médico.

Segundo o conselho, o trabalho de elaboração do texto teve início há dois anos e foi inspirado em experiências semelhantes de outros países, como Inglaterra, Estados Unidos e Canadá. Para elaboração, foram ouvidas representações institucionais, estudantes e entidades da sociedade civil. Ao todo foram recebidas 272 contribuições.

O CEEM funciona como orientação não somente aos alunos, mas também para os professores e responsáveis pelas instituições de ensino, encarregados da formação do profissional.

A previsão é de que a partir de setembro o novo código de ética do estudante de medicina seja encaminhado para as mais de 320 escolas em atividade em todo o País. O documento ficará disponível para download no site do CFM e também deve ser distribuído numa versão impressa, em formato de bolso.

Principais pontos do Código de Ética Médica do Estudante





Notícia publicada pelo site do G1, às 09h13, no dia 17 de agosto de 2018, no endereço eletrônico https://g1.globo.com/educacao/noticia/2018/08/17/conselho-federal-lanca-codigo-de-etica-do-estudante-de-medicina.ghtml



Restrito - Copyright © Edux Consultoria 2012 - Todos os direitos reservados